Carros Usados Ferrari: Preços em segunda mão e Combustível

Com agradável vivacidade e entusiasta das tecnologias mais vanguardistas, siga pelos diferentes trilhos com um dos carros usados Ferrari, não só a marca mais valiosa, como provavelmente a mais conhecida do mundo.

 

O seu logótipo, em formato de cavalo e colocado na frente e na traseira do veículo, revela imediatamente a sua grandiosidade. Saiba que a Ferrari encontra-se disponível no mercado a preços em conta, sobretudo quando procura um automóvel em segunda mão, com a garantia de que cumpre todos os requisitos.

Gama Ferrari de segunda mão

Encontrar um veículo da gama Ferrari de segunda mão em Portugal é bastante simples. Pode escolher, entre tantas opções, como um Ferrari Roma, um Ferrari Portofino, um Ferrari Superfast, um Ferrari Stradale ou um Ferrari Luso. Mesmo com uma oferta heterogénea, a escolha deve ser sempre sua, mediante as suas preferências.

 

De qualquer forma, saiba que os automóveis da gama Ferrari em segunda mão são certificados para garantir a sua segurança. Sendo tão poderoso em todos os sentidos, um Ferrari usado passa sempre por uma inspeção detalhada e terá assistência garantida na Europa nos 24 meses seguintes à compra.

 

O certo é que qualquer Ferrari pode ser tanto usado em viagens curtas, como em áreas mais tranquilas, com pouco trânsito, a fim de libertar toda a sua potência.

Ferrari Roma usado

Nenhum gran turismo coupé terá um estilo tão retro, capaz de entrelaçar a tradição e a modernidade da Ferrari, como o modelo Roma. Trata-se do veículo perfeito para aqueles querem transpor uma certa exuberância desportiva – são mesmo 620 cavalos de potência -, mas privar por um charme que reflete o estilo de vida dos anos 50 e 60 na cidade eterna. Não há que ter medo de sentir o prazer de viver e o Ferrari Roma demarca-se inclusive pelo seu aspeto robusto, pelos faróis LED e pelas sofisticadas ponteiras duplas de escape.

Ferrari Portofino usado

Um dos modelos mais recentes da Ferrari, apresentado em 2017, foi o Ferrari Portofino, que desde então tem feito as delícias dos consumidores que procuram um automóvel usado mas eficiente. O Portofino assume-se como herdeiro do California T e surge em versões coupé e cabrio com configuração de 2 portas e outros 2 lugares. Com tom elegante e discreto, o Ferrari Portofino tem a alma de eleição da marca italiana onde se destaca a sonoridade acrescida do motor V8 turbo, 40% melhorada em relação ao motor do California T.

Ferrari 812 Superfast usado

A Casa di Maranello esteve realmente empenhada em criar um carro veloz, daí que tivesse apostado no Ferrari 812 Superfast, um descendente do F12 berlinetta. Com 799 cavalos de potência é o automóvel de série da Ferrari mais potente de todos os tempos. São tantas as inovações tecnológicas deste modelo: do motor à tração integral nas quatro rodas, sem esquecer a caixa de mudanças renovada e a nova direção assistida completamente elétrica. Além do design que expressa formas dinâmicas e mecânicas precisas.

Ferrari F8 Tributo usado

Tributo é a contemplação do mais alto nível de design artístico de um Ferrari, que sucede ao 488 GTB e pretende ser uma readaptação do super-desportivo. Com motor V8 bi-turbo, com 720 cv atingidos às 8000 rpm, apresenta entradas de ar otimizadas, faróis LED horizontais e vidros traseiros com três aberturas finas. O interior do Ferrari F8 Tributo não renega à qualidade da sua classe e tem um toque especial com um volante completamente novo e mais pequeno, e um sistema de info-entretenimento imersivo, com ecrã táctil de 7 polegadas.

Ferrari SF90 Stradale usado

O Ferrari SF90 Stradale não é alimentado por um V12, nem é uma edição limitada para os coleccionadores. Mesmo assim, nunca houve um Ferrari com três motores elétricos, de tração integral, que pudesse ser ligado e conduzido de forma completamente silenciosa. Ou seja, o SF90 Stradale é mesmo o primeiro Ferrari com perfil PHEV (Plug-in Hybrid Electric Vehicle) com uma potência elétrica de 120 kW, e 780 cavalos de potência máxima combinada. O seu chassis, apesar de ter alguns traços em comum com o F8 Tributo, é 25 quilos mais leve e foi construído mais baixo, para o condutor sentir em primeira mão todas as sensações que fundem o carro ao asfalto.

Ferrari F8 Spider usado

Uma das mais recentes apostas da Ferrari é o conversível F8 Spider, a resposta da Casa de Maranello ao McLaren 720S Spider e ao Lamborghini Huracan Evo Spyder. O motor V8 bi-turbo de 3,9 litros foi retirado do 488 Spider, e debita 710 cavalos de potência, para uma fabulosa habilidade nas pistas. O cockpit preserva o visual clássico orientado ao condutor, já o exterior tem uma grelha complexa que chama à atenção, desde o ângulo dianteiro, para as jantes de 20 polegadas. O visual atlético finaliza-se com ponteiras de escape duplas, com spoiler ativo curvado.

Ferrari 488 Pista usado

Com o tradicional estilo italiano apelativo, o Ferrari 488 Pista é o modelo que estava à espera. Alimentado por um motor V8 de 3,9 litros com turbocompressor, tem um comportamento desportivo de 720 cavalos, e não passa despercebido em qualquer pista, como indica a sua designação. O interior promete deixar o condutor mais do que satisfeito, com a amplitude de materiais leves exclusivos, como fibras de carbono e Alcantara, para tornar o carro mais brilhante. Vem acompanhado de jantes de liga leve com 20 polegadas e de um largo spoiler em forma de cauda de golfinho que lhe conferem nobreza.

Ferrari GTC4 Lusso usado

Um dos modelos que sofreu alterações significativas nos últimos tempos foi a poderosa máquina Ferrari FF que agora tem uma nova designação: Ferrari GTC4Lusso. O nome remete, entre tantas inspirações, ao veículo da marca italiana mais elegante de sempre, o 250 GT Lusso. Mesmo com faróis e uma grelha com tom mais atlético, o tejadilho tem um centro de gravidade mais suave. Há também um ecrã táctil de 10,2’’ no centro, com um outro mais pequeno do lado do passageiro. Desta forma, poderá ouvir as músicas que quiser ou simplesmente receber informações em tempo real sobre o funcionamento do veículo.

Qual o preço do Ferrari?

Parece banal, mas é preciso admitir-lo: existe uma clara distinção entre os carros usados em geral e os Ferrari de segunda mão. São veículos únicos no mundo, graças à sua motorização e ao seu design, que propõem continuamente a melhor experiência na condução. Tamanha exclusividade nota-se imediatamente no preço do Ferrari, que pode ser mais ou menos caro, seja qual for o seu ano de lançamento.

 

Um dos Ferrari com preços mais acessíveis é Ferrari Mondial 8, produzido entre 1980 e 1982, com um motor V8 de 3 litros e 214 cavalos, e que pode custar a partir de 25 mil euros. Já um Ferrari F430, produzido de 2006 a 2010, com motorização V8 de 4,3 litros e 490 cv, pode partir dos 60 mil euros. Na Carplus encontrará uma extensa gama de veículos Ferrari em segunda mão e poderá escolher a versão que lhe pareça mais interessante.

Combustível do Ferrari

O equilíbrio de um Ferrari nos diversos circuitos é uma das consequências da forma como o veículo responde ao consumo de combustível. Se escolhe um dos veículos da marca italiana saiba que existem opções a gasolina – como o Ferrari 812 Superfast – ou opções híbridas – como o Ferrari SF90 Stradale.

 

Só para que tenha pequena noção, o Ferrari 812 Superfast apresenta um consumo médio de 15,2 litros por cada cem quilómetros, para uma média emissões de CO2 de 345 g/km, valores ligeiramente elevados e necessários para alimentar o motor V8 que chega aos 800 cavalos às 8,500 RPM e tem uma aceleração de 2,9 segundos dos 0 aos 100 km/h.

 

Quanto à versão híbrida plug-in do Ferrari não fica a desejar, como noutras marcas com propósitos sustentáveis, com 6,1 litros de gasolina consumidos a cada 100 km, 123 kW gastos a cada quilómetros e emissões de CO2 mais baixos, limitando-se aos 154 gramas. Informe-se junto da Carplus sobre outros detalhes do consumo de combustível do Ferrari.

;

Otras Noticias

Ford Puma Usado: Interior, Preço, Motor Hybrid e Opiniões

Ford EcoSport Usados: Titanium, Vignale, 4×4 e Preço

Citroën Ami Usado: Motor elétrico, Interior e Preço em Portugal