Carros Usados Jeep: Preços em segunda mão e Combustível

A lendária marca de automóveis Jeep integra o grupo de gigantes Daimler-Chrysler desde 1998. O nome Jeep não só está associado aos veículos desta marca americana, como caiu nas boas graças do público que passou a utilizar o termo jipe para designar os carros com tração às quatro rodas, de dinâmica versátil e adaptados quer às práticas diárias nas cidades, quer às aventuras por destinos montanhosos.

 

Hoje, são muitos os carros usados Jeep com preços atrativos em segunda mão que continuam a refletir os princípios de força, resistência e intemporalidade que a marca tem vindo a apostar desde a sua fundação em 1941.

Gama Jeep de segunda mão

A gama Jeep de segunda mão tem duas características determinantes para a contínua admiração dos amantes dos veículos desportivos. São elas a sua imponência e os seus preços relativamente mais baixos que os modelos novos.

 

Dentro dos Jeep usados e semi-novos facilmente encontrados no mercado temos os mais recentes Jeep Renegade e Jeep Compass, que se revelaram dos automóveis mais bem sucedidos dos últimos tempos.

 

Apesar do tráfego cada vez mais intenso nas cidades, dos limitados espaços de estacionamento e muitas ruelas estreitas nos centros históricos portugueses, os ávidos fãs da Jeep não desistem e continuam interessados nas eventuais novidades que possam surgir relacionadas com a marca. Mais de 70 anos após o fim da Segunda Guerra Mundial, altura em que teve um boom de vendas, a marca Jeep continua a ser sinónimo de um estilo de vida livre e aventureiro.

 

Se quer investir num bom automóvel mas o seu orçamento não lhe permite alcançar um Land Rover novo, opte por um Land Rover em segunda mão. Igualmente magnífico e a um preço que o deixa confortável.

Jeep Renegade usado

O Jeep Renegade é um SUV compacto apresentado pela primeira vez no Salão Internacional do Automóvel de Genebra em 2014. Desde então, o Renegade tem-se assumido como uma das melhores opções no mercado, com níveis de acabamento exuberantes, dos quais se contam a poderosa grelha de 7 aros, uma ponteira de escape brilhante, faróis LED e sistema de tração integral Active Drive. Quanto ao painel de instrumentos inclui um ecrã de 3,5 polegadas onde, entre tantas informações que recebe, contam-se o Aviso de Desvio de Faixa ou o Assistente Inteligente de Velocidade. O nome Renegade (que significa desertor) está relacionado com o facto de ter sido o primeiro modelo Jeep produzido exclusivamente fora dos EUA.

Jeep Cherokee usado

A mais recente versão do Jeep Cherokee é comercializada com uma motorização de 2.2 MultiJet II turbodiesel, com capacidade de potência de até 195 cavalos, com transmissão manual de seis velocidades ou a automática de nove velocidades. O design deste Jeep é provavelmente dos mais atraentes da gama, com alguns materiais do seu interior completamente artesanais, aliados à experiência tecnológica mais imersiva, com sistema Uconnect e compatibilidade garantida com o seu smartphone. Apesar de nascido em 1974, este SUV compacto apresenta uma vida longa, como cinco gerações diferentes e adaptações visuais constantes.

Jeep Grand Cherokee usado

O Jeep Grand Cherokee usado é um dos modelos mais facilmente encontrados em Portugal e o SUV mais premiado de todos os tempos, provavelmente pelas suas fluídas linhas e pelo design que apesar de gigantesco – são 4,83 metros de comprimento, largura de 1,94 m e altura de 1,79 m -, é realmente funcional. As rodas de alumínio preto com 20 polegadas, os faróis LED e a ampla lista de configurações na geração mais recente do Jeep Grand Cherokee provam as emoções intensas que desperta na estrada. Já o teto panorâmico permite-lhe aproveitar a luz e ter direito às vistas mais fascinantes.

Jeep Compass usado

Sport, Longitude e Limited são os nomes das versões do Jeep Compass, uma opção única da marca norte-americana que tem características de série como faróis dianteiros automáticos, assentos e bancos revestidos em pele e até luzes traseiras LED. Foi construído com base na plataforma Daimler Chrysler/Mitsubishi GS para a máxima tranquilidade e apresenta um interior de primeira linha com sistema de Alpine Premium Audio e sistema ParkSense, com quatro sensores que lhe ajudarão nos estacionamentos mais complexos.

Jeep Wrangler usado

Com os traços mais demarcantes de toda a gama, o Jeep Wrangler chegou à Europa em 2018 e, desde então, tem sido a escolha dos amantes de veículos atléticos que ambicionam partir numa aventura de forma autêntica. Inclui faróis LED, rodas de até 32 polegadas, e um interior completamente lavável para que deixe de ter medo e leve o seu automóvel pelos trilhos mais lamacentos. Essa particularidade surge carimbada no símbolo “Trail Rated”, que atesta as lendárias capacidades 4×4 Selec-Trac do Wrangler. Todas as versões estão disponíveis em duas ou quatro portas, embora possa escolher entre veículos com capota rígida, capota de lona, a capota elétrica Sky One-Touch ou sem qualquer capota.

Jeep Renegade 4xe usado

Já alguma vez pensou em adquirir um automóvel Jeep híbrido? Poderá encontrar no mercado o Jeep Renegade 4xe visualmente idêntico aos modelos a gasolina e diesel, exceto por uma tampa de carregamento. As jantes de alumínio podem chegar às 19 polegadas, o sistema de som Kenwood é arrepiante e os vidros escurecidos são a prova da sua exclusividade. Esta versão PHEV tem ainda três níveis de equipamento: Limited, S e Trailhawk, todas com pneus off-road, muitos acessórios robustos e uma tecnologia de ponta, com serviços Uconnect e a app My Uconnect para uma perfeita conjugação com o seu telemóvel.

Qual o preço do Jeep?

Quando decide investir num Jeep usado, deverá ficar descansado porque terá um automóvel de dinâmica coerente por vários anos. Na realidade, importa saber que o preço do Jeep irá depender, obviamente do modelo, da versão, do ano de produção e até das configurações de que foi alvo. Outro fator que influencia bastante o preço do Jeep usado é a quilometragem, que quanto maior tende a tornar o veículo mais barato.

 

Não espere mais e conte com os profissionais da Carplus que lhe poderão ajudar a encontrar o melhor Jeep para si.

Combustível do Jeep

As opções de combustível do Jeep são bastante amplas. O Jeep Grand Cherokee, por exemplo, está disponível a gasolina, com uma potência que poderá variar entre os 286 e os 710 cavalos; e a Diesel com 190 a 250 cavalos de potência máxima. Os consumos, por sua vez, variam entre os 7,5 e os 7,9 litros a cada cem quilómetros, mas poderão chegar aos 16,8 litros na motorização V8 6.2 Supercharged deste modelo.

 

Se vive preocupado com a crise climática sentida nos dias de hoje opte pelos veículos Jeep híbridos. No Jeep Renegade híbrido plug-in existe um motor a gasolina de 1,3 litros turbo de quatro cilindros, que atinge uma potência de 130 cavalos, acompanhado por uma bateria de 11,4 kWh com garantia de 50 km de autonomia. A potência não fica a desejar e é bastante eficaz neste híbrido, com 190 cavalos e consumos posicionados entre 2,1 e 2,4 litros a cada cem quilómetros.

;

Otras Noticias

Ford Puma Usado: Interior, Preço, Motor Hybrid e Opiniões

Ford EcoSport Usados: Titanium, Vignale, 4×4 e Preço

Citroën Ami Usado: Motor elétrico, Interior e Preço em Portugal